sábado, 16 de janeiro de 2010

Um monte de nada

Nunca sei se mato meu blog [o que seria praticamente matar o morto] ou se ainda conto coisas aqui. Tantas coisas aconteceram, tantas, tantas mesmo, e eu não falei nada. Falta de tempo, falta de ânimo, falta de um monte de coisa. Mesmo assim algumas coisas insistem em sobrar. Enfim... Só quero mostrar um vídeo do Basílio, meu Basilão, Basilóvski. Ele é preto, então já sabem que a imagem não é assim muito boa, né? E a voz falando também é feia e minha. Mas lá vai o vídeo:

Ahn... O vídeo não vai não. O computador está uma bosta e eu não consegui abri-lo. Até daria para postá-lo, mas não gosto de postar sem ver imediatamente antes, então continuamos na mesma. O blog chato de sempre, sem vídeos.

Vai uma foto da Ágata-Pintadinha, então. Ela e o gatinho novo ainda não comentado [pelo menos não que eu me lembre] estão doentinhos. Sarando, mas ainda doentinhos.

Coisa linda da mamãe! Ela já está bem maior, mas eu gosto tanto desta foto! E façam o favor de olhar para a gatinha, não reparem na janela podre e verde ali ao lado.

Este cobertor foi doado ao Time do Tigor, mas a gatinha, muito boazinha, resolveu testá-lo antes =] Menina prestativa!